"Eu sou o que me cerca. Se eu não preservar o que me cerca, eu não me preservo".
José Ortega y Gasset

sexta-feira, 28 de julho de 2017

3º Congresso Mundial de História Ambiental no Brasil, Florianópolis, Universidade Federal de Santa Catarina







































O 3º Congresso Mundial de História Ambiental será realizado no Brasil, na Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis-SC entre 23 e 26 de julho de 2019. Acompanhe no site do evento clicando aqui.

terça-feira, 25 de julho de 2017

5º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações

A Universidade Federal de Santa Catarina, por meio do Grupo de Pesquisa Laboratório de Imigração, Migração e História Ambiental (LABIMHA), está organizando o 5º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações, que acontecerá em Florianópolis, em outubro de 2018. Acesse aqui a página do evento.

segunda-feira, 24 de julho de 2017

IX Simposio de la Sociedad Latinoamericana y Caribeña de Historia Ambiental (SOLCHA)

O IX Simpósio da SOLCHA será realizado em 2018 na Universidade Nacional de Costa Rica. A cada dois anos a SOLCHA organiza simpósios agregando os pesquisadores da Amperica Latica e Caribe que pesquisam a relação sociedade e natureza. Veja mais sobre o evento aqui.



domingo, 23 de julho de 2017

Breve história do curso de Geografia da FURB

por Martin Stabel Garrote


O curso de Geografia da FURB é um anseio da comunidade de Blumenau e região, sendo uma demanda de nossa universidade a muito tempo. Em 1987 foram criados os cursos de Ciências Sociais, Serviço Social e História, e o Departamento de Ciências Humanas passa a oferecer mais de 90 disciplinas nas áreas de Sociologia, Geografia, História, Antropologia e Serviço Social. Os estudantes saíam habilitados para lecionarem Estudos Sociais (Educação Moral e Cívica e/ou Organização Social Política e Brasileira), História e Geografia. Em 1990, existia o Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (hoje CCHC) e o Departamento de Ciências Humanas propõe a divisão do departamento, que tinha 3 cursos, dando origem ao Departamento de Geografia e História (com nomenclatura inicial de Departamento de Geo-História, que ficaria com as áreas de Geografia, História e Estudos dos Problemas Brasileiros) e o Departamento de Ciências e Práticas Sociais (que ficaria com as habilitações de Ciências Sociais, Ciência Política, Antropologia e Serviço Social). 

Na ocasião, para o Departamento de Geografia e História foi recomendado a criação de um curso único que habilitasse História e Geografia (CEPE, Processo 220 de 1990). O Curso de História, que foi criado em 1987, tendo que cumprir as metas de ampliação de habilitações a partir de 1990 passa a ter as disciplinas de Geografia Econômica I e II, que vieram do Departamento de Ciências Econômicas, estando juntas com as disciplinas já existentes na grade curricular de 1992: Introdução aos Estudos da Geografia e Cartografia, Cartografia, Geografia do Brasil, Geografia Física e Humana do Brasil, Geografia Física e Humana Geral I e II, Geografia Física, Geografia Física e Ecossistemas, Geografia Humana e Econômica e Geografia Regional, disciplinas que junto às de História, e também para os estudantes de Ciências Sociais possibilitava a habilitação Licenciatura Curta em Geografia, indexada na da Licenciatura Plena em História.

Em 1991 o Departamento de Geografia e História passa a se chamar Departamento de História e Geografia (CEPE, Processo 173 de 1991). Em 1992 a grade de História foi reformulada (Criando a Licenciatura Plena em História e o Bacharel em História) e sua matriz curricular ainda habilitava a Licenciatura Curta em Geografia e OSPB (CEPE, Processo 221 de 1992). A habilitação em geografia cerrou no curso de História em 2001, quando nova reformulação da grade foi realizada, havendo diminuição de horas de Geografia por horas de disciplinas de História, e de prática de estágio em História, e principalmente, centralizando a formação apenas em uma área conforme recomendações da LDB de 1992 (CEPE, Processo 297 de 2001). Nessa mesma época na Universidade Regional de Blumenau foi formada uma comissão para instituir o curso de Geografia, projeto já pensado desde 1990, desde a época dos projetos Memorvale, Projeto Social sobre Patrimônio Arquitetônico, e Projeto Itajaí. A comissão era formada pelas professoras Aparecida Beduschi Schwab e Ivani Cristina Butzke Dallacorte, mas o processo foi arquivado pelo Departamento de História e Geografia.
A partir de 2008 o professor Gilberto Friedenreich dos Santos e professora Aurélia Maria Santos retomaram a discussão para organizar a criação do curso de Geografia, sendo pensado inicialmente o desenvolvimento da Licenciatura em Geografia, tendo em vista as demandas por profissionais do ensino formados na área, assim como a procura constante de estudantes pelo curso que não é ofertado pela FURB, e as possibilidades de integração aos programas do Ensino Superior do Governo Federal e Estadual (PARFOR, PIBID, FUNDES).

Através da PORTARIA N° 270/2013 foi criada uma Comissão Especial para a organização do curso sob a direção do professor Gilberto. A Comissão Especial foi composta pelos professores da FURB Ms. Cristina Ferreira, Dr. Gilberto Friedenreich dos Santos, Dr. Ivo Marcos Theis, Dra Jaqueline Samagaia, Dr. Juarês José Aumond e Dr. Leonardo Brandão. Da Pro-Reitoria de Ensino de Graduação, Ensino Médio e Profissionalizante da FURB, na ocasião estava a Assessora Pedagógica Clara Maria Furtado e o técnico administrativo Wilson Guilherme Lobe Junior. Da Secretaria Municipal de Educação a professora Sandra Regina Rosa da Costa, e da Gerência Regional de Educação – GERED/Blumenau/Secretaria de Estado da Educação de Santa Catarina a professora Teresinha Giovanella. 

O projeto foi encaminhado em 2013 e aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) em agosto de 2014. Mas foram solicitadas algumas alterações importantes a serem realizadas pelo Conselho Universitário (CONSUNI).  A Comissão Especial retomou os trabalhos tendo como Assessora Pedagógica a professora Rosana Andrade Rebelo, e nesta nova fase a comissão contou com a colaboração dos professores André Martinello e Aurélia Maria Santos do Departamento de História e Geografia e do professor Martin Stabel Garrote do Departamento de Ciências Sociais e Filosofia. Os trabalhos finais ficaram por conta de Gilberto e Martin.

Essa nova proposta foi encaminhada para nova avaliação, mas em julho de 2015 a Resolução CNE/CP nº2 de 1 de julho de 2015 passou a estabelecer novas regras para os cursos de Licenciatura no país, sendo o aumento da carga horária uma das principais mudanças. A partir de 2016, com orientação da Assessora Pedagógica Karla Bento as adequações a resolução no CNE foram realizadas, e o curso precisou se adequar a nova Política das Licenciaturas da FURB.

As inscrições para a primeira turma de Licenciatura em Geografia estão abertas de 17/07 até 04/08 e são ofertadas 30 vagas. É a única Licenciatura de Geografia presencial na região do Vale do Itajaí. Segundo o coordenador professor Dr. Gilberto Friedenreich dos Santos, o curso foi estruturado para ser uma Licenciatura que possibilite uma formação pluralista e interdisciplinar. Formando professores para o exercício do ensino e da pesquisa em geografia, com constantes atividades vinculadas com a prática docente nas escolas e laboratórios de ensino. O curso também está adequado a Resolução CNE/CP nº2 de 1 de julho de 2015, e a nova Política das Licenciaturas da FURB.


O GPHAVI faz aqui um agradecimento especial a estas pessoas que foram fundamentais para que o curso de Geografia fosse criado: Aparecida Beduschi Schwab; Aurélia Maria dos Santos; Rosana Andrade Rebelo; Gilberto Friedenreich dos Santos; Martin Stabel Garrote; Celso Kraemer; e o excelentíssimo reitor João Natel. 



Quer fazer parte desta história, inscreva-se e faça GEOGRAFIA na FURB. Clique aqui.

VEJA TAMBÉM



quinta-feira, 20 de julho de 2017

Estudo mostra que vertebrados estão sumindo do mapa

A população e a área ocupada por um em cada três espécies de vertebrados terrestres estão caindo em ritmo acelerado, embora boa parte delas seja classificada em baixo risco de extinção ou dados insuficientes, pelo menos por enquanto. Veja mais sobre esta reportagem clicando aqui

terça-feira, 11 de julho de 2017

Pesquisa sobre a Reserva Biológica Estadual Canela Preta é aprovada pelo PIBIC

Projeto de Iniciação Científica desenvolvido pela pesquisadora  Vanessa é aprovado pelo PIBIC com bolsa FURB. A pesquisa de IC integrará as pesquisas desenvolvidas entre o Laboratório de Ecologia e Ornitologia, Grupo de Pesquisas de História Ambiental do Vale do Itajaí da FURB em parceria com UC. A pesquisa será realizada na Zona de Amortecimento da reserva, nos municípios de Botuverá e Nova Trento e conta com a coordenação de Gilberto, orientação de Vanessa, um bolsista acadêmico, voluntários de pesquisa e participação da equipe do grupo e da UC. Estudantes FURB interessados na pesquisa e bolsa, entrar em contato por mail ou pessoalmente no nosso laboratório. Além de disponibilizar uma bolsa, a pesquisa disponibiliza vagas para pesquisadores voluntários. 

quinta-feira, 6 de julho de 2017

VIII Simpósio Nacional de Ciência e Meio Ambiente

VIII Simpósio Nacional de Ciência e Meio Ambiente


O VIII Simpósio Nacional de Ciência e Meio Ambiente – SNCMA, a realizar-se nos dias 23 a 27 de Outubro de 2017, na cidade de Anápolis/Goiás, é um evento de divulgação científica organizado pelo Programa de Pós-Graduação em Sociedade, Tecnologia e Meio Ambiente - PPSTMA do Centro Universitário de Anápolis - UniEVANGÉLICA.